Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate

ptenes

Opções de acessibilidade

Página inicial > História do curso
Início do conteúdo da página

História do curso

Publicado: Quarta, 27 de Novembro de 2019, 18h46 | Última atualização em Quinta, 28 de Novembro de 2019, 19h09 | Acessos: 318

A criação do curso de Medicina Veterinária da UFRA se deveu ao fato de que na época de sua concepção, a Amazônia contava com menos de uma centena de Médicos Veterinários, distribuídos pelas unidades federadas integrantes da região. Entendia-se, portanto, que isto era um óbice ao desenvolvimento regional, quer no âmbito econômico, quer no âmbito social.

O Curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal Rural da Amazônia é o mais antigo da região norte, um resgate histórico precisa, portanto ser aqui estabelecido. Criado na então Faculdade de Ciências Agrárias do Pará aos 16 de março de 1973, com o objetivo de formar técnicos para atender as necessidades da pecuária regional, o curso de Medicina Veterinária reconhecido pelo Ministério da Educação em 1º de novembro de 1978 pelo Decreto no. 82.537, além de ser o mais antigo curso de Medicina Veterinária do Norte do Brasil, possui ainda o único Hospital Veterinário da região Norte, inaugurado no ano de 1974. Aos sete de novembro de 2008, o curso teve o seu reconhecimento renovado pela Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação. Atualmente, o curso é oferecido no período integral com integralização curricular de 5 anos na modalidade de Bacharelado, presencial, com período integral (matutino/vespertino), no qual ingressam, anualmente 80 alunos por processo SISU (Sistema de Seleção Unificada).

Com a transformação da Faculdade de Ciências Agrária do Pará em Universidade Federal Rural da Amazônia, o Curso de Medicina Veterinária, em consonância com a missão institucional, estabeleceu como base ética de sua ação pedagógica o desenvolvimento de atitudes com responsabilidade técnica e social.

Fim do conteúdo da página